A beleza afro ganha cada vez mais espaço entre blogs, marcas e passarelas

A beleza afro por muitos anos foi extremamente desvalorizada e tratada como algo inferior, onde pessoas com essa cor de pele eram desvalorizadas, desrespeitadas e até chegavam a serem agredidas pelo simples motivo de serem negras. Essa realidade infelizmente ainda é bastante presente em diversos países que apresentam números absurdos de homicídios de pessoas negras e o racismo persiste fortemente.

Com o passar dos anos e a mudança da mentalidade racista das pessoas a beleza afro começou a ser valorizada e reconhecida tanto pelo mercado da moda quanto o mercado da beleza. Maquiagens, produtos de cabelo e personalidades negras em passarelas e capas de revistas passaram a ser algo mais recorrente e procurado.

Maquiagem para pele negra costumava ser algo extremamente difícil de encontrar por todos os produtos serem produzidos exclusivamente para pessoas com a cor da pele clara. Bases, corretivos e outros produtos base em peles negras ficavam extremamente destacadas pois o fundo do produto era claro e destoava e muito com a cor da pele das pessoas negras que utilizavam.

Sombras, blush e iluminadores também apresentavam esse problema. Todos os produtos tinham sua base feita para se adequar a uma cor de pele clara, não destacando em pessoas negras, com pigmentos que eram feitos para transferir coloração não cumprindo seu papel ou deixando um rastro meio branco do produto.

Com o passar dos anos e a mudança do mercado para atender de forma especializada as pessoas negras muitas marcas passaram a oferecer uma gama de produtos que atendessem peles negras e suas variações, com marcas apresentando um número superior a 40 cores de bases, fazendo com que suas vendas e sua importância no mercado crescessem extremamente.

Mesmo com o sucesso desses produtos de maquiagem e a entrada de cada vez mais marcas no mercado algumas empresas ainda mesmo oferecendo produtos para peles negras não apresentam produtos de boa qualidade.

Outros produtos que passaram a fazer parte do mercado da beleza que antes faltava, e muito, foram produtos especializados em cabelos cacheados e crespos. Pessoas com curvaturas no cabelo diferente dos famosos fios lisos, exaltados pela sociedade, eram obrigadas a utilizarem produtos não adequados ou eram levadas a alisarem seus cabelos para fazer parte do grupo de pessoas de cabelo liso por não se sentir “aceitas” pela sociedade.

Felizmente a beleza afro vem ganhando cada vez mais espaço no mercado da moda com personalidades negras brilhando em revistas, campanhas de moda e cada vez mais blogs com matérias exclusivas a esse publico que também tem a necessidade de conteúdos exclusivos a eles, como o caso de tendências em penteados para cabelo cacheado em 2022. 

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *